logotipo
33 anos de rock'n'roll

Edição Atual

Música do Dia


Slayer - Implode

  • Obituary: banda desembarca no Brasil e envia recado aos fãs

    Quarta, 23 de abril de 2014
  • Exodus: após adiamento, turnê pelo Brasil deve acontecer em agosto

    Quarta, 23 de abril de 2014
  • Uriah Heep: banda divulga capa e track list de novo álbum

    Terça, 22 de abril de 2014

Lacuna Coil: mesmo incompleta, banda lota Carioca Club em São Paulo

LACUNA COIL

Carioca Club, SP/SP (02/03/2013)

 

Texto e fotos por Evandro Camellini

 

Uma das partes mais complicadas de nosso trabalho (e não é a primeira vez que cito isso em uma resenha), é quando somos escalados para cobrir um show de uma banda daquelas que classificamos como “do coração”. Sempre fica aquele misto de sensações, onde você confronta seu senso de profissionalismo com o amor e paixão que aquela que está no palco nos desperta. Porém, impossível fugir do fato de que se trata de um prazer enorme estar numa situação dessas! E foi assim que me dirigi até a já habitual casa de shows paulistana Carioca Club, para ver pela terceira vez essa banda que compõe parte da trilha sonora da minha vida.

 

A “Dark Legacy Tour”, que é uma tour montada para comemorar os anos de estrada da banda até aqui, tem como intenção apresentar um rebusque de todos os álbuns lançados. Antes da vinda da banda para a América do Sul, o último show nessa formatação havia sido apresentado na Itália, casa da banda, e contava com um set list de vinte e quatro músicas, e uma surpresa: um pequeno set acústico de cinco músicas, gravadas de forma “plugada” originalmente. Sim, a expectativa gerada para esse show se tornou muito grande! E o que nós tivemos por aqui foi praticamente o mesmo show que esperávamos.

 

Com lotação quase máxima da casa e dentro do horário anunciado, a banda sobe ao palco, mas não completa. Criz Mozzati (bateria) e Marco “Maki” Coti Zelati (baixo) não puderam vir. Criz está envolvido com problemas de saúde de sua esposa, e Maki tratando uma tendinite. Criz Foi substituído por Ryan Blake, e o baixo ficou a cargo do sampler. O resto da banda era a mesma que todos já se acostumaram: Cristina Scabbia e Andrea Ferro (vocal), e Cristiano “Pizza” Migliore e Marco “Maus” Biazzi (guitarra). E o que esse time fez nos cem minutos que dominou o palco foi algo que podem faltar palavras! Não sei se a expectativa havia diminuído pelo fato da cozinha original não ter vindo, assim como ver que o set list havia sido encurtado em três músicas. A verdade é que a banda não fez questão de esconder que estava cansada, inclusive dizendo que essa parte da tour estava extremamente desgastante. Mas, de alguma forma, o público presente deve ter abastecido o quinteto com toda a energia necessária. Pois o show não perdeu o pique em momento algum!

 

I don’t believe in tomorrow foi a escolhida para abrir o show, seguida da dançante e energética I won’t tell you e então Kill the Light, uma das melhores músicas entre as recentes. Self Deception seguiu, e deixou um gostinho de “quero mais”, pois sabíamos que eles vinham executando também, do álbum Comalies, Entwined, música que caiu para esse show. Uma pena. Na sequência, o primeiro “hino” da banda, obviamente cantado em uníssono: Heaven’s a Lie. To the Edge, música muito forte ao vivo, e então mais dois hinos seguidos: Senzafine e Swamped. A energia sentida no local nesse momento era incrível! Fragile veio fechar a primeira parte “plugada” do show, e é incrível como essa música continua funcionando perfeitamente, ano após ano! Pausa anunciada para “algo totalmente diferente e especial”, que sabíamos ser a parte acústica.

 

Não mais que dez minutos se passaram, quatro cadeiras colocadas a frente do palco, e então “Pizza”, “Maus” e Cristina voltam e executam Falling. Essa sempre foi uma das músicas mais aguardadas pelos reais fãs da banda, em qualquer show. E sei que vi muita gente chorando nesse momento, através de minhas próprias lágrimas. (rs). Ao final desta, Cris chama Andrea para o palco e então executam Closer. Em minha opinião, essa música perdeu muito transformada em acústica. Mas as duas que seguiram casaram perfeitamente com o formato, e montaram um dos melhores momentos do show: Within Me e Shallow Life, que foi anunciada como “a última música do set. Do set acústico, logo depois voltaremos com o restante do show!”

 

Pausa para desmontar o set acústico, e a banda volta com Our Truth (que até a última tour era a música que encerrava os shows) emendada na Upsidedown, que funcionou muito bem ao vivo. Na sequência, um dos momentos mais fortes do show, após um belo discurso de Cris sobre o nascimento dessa música: End of Time. Mais lágrimas puderam ser vistas. Survive, com seu refrão marcante. E então uma música oferecida a “todos que necessitam de uma revanche causada por um coração partido”: Intoxicated. Grande música! Trip the Darkness seguiu e então Cristina pede que todos cantem com ela o refrão da seguinte. Ela pergunta, e o público responde: “Tell me Who you are” e ao apontar o microfone para a platéia, o Carioca tremeu ao som de “I’m Spellbound” produzido pela platéia. Era a deixa para essa excelente música, que certamente terá vida longa no set list da banda. E, oferecendo a seguinte e derradeira música a todos os amigos que já se foram, My Spirit fechou o show com a essência que fez o Lacuna Coil nascer: a melancolia. Lindo, apenas isso a dizer!

 

Sem sombra de dúvidas foi o melhor show da banda realizado em terras paulistas. Apesar de um terço da mesma não ter vindo, apesar do set levemente diminuído, o que todos tiveram ali foi algo inesquecível! Para os fãs recentes, muitas músicas atuais. Para os fãs antigos, clássicos de arrancar lágrimas. Músicas plugadas e acústicas. Em meio a uma tour extenuante. Se isso tudo não mostrou a força do Lacuna Coil no cenário Metálico mundial atual, certamente é por que alguém fez questão de não abrir os olhos! E principalmente os ouvidos!

Lacuna Coil 01.JPG Lacuna Coil 02.JPG Lacuna Coil 03.JPG Lacuna Coil 04.JPG Lacuna Coil 05.JPG Lacuna Coil 06.JPG Lacuna Coil 07.JPG Lacuna Coil 08.JPG Lacuna Coil 09.JPG Lacuna Coil 10.JPG Lacuna Coil 11.JPG Lacuna Coil 12.JPG Lacuna Coil 13.JPG Lacuna Coil 14.JPG Lacuna Coil 15.JPG Lacuna Coil 16.JPG Lacuna Coil 17.JPG Lacuna Coil 18.JPG Lacuna Coil 19.JPG Lacuna Coil 20.JPG Lacuna Coil 21.JPG

 

ATENÇÃO!!!
Para postar um comentário sobre esse texto, você precisa fazer seu LOGIN no site.

Próximos Shows
Quinta Abr 24
Obituary - RJ
Domingo Abr 27
Misfits - SP
Domingo Abr 27
Obituary - SP
Domingo Mai 04
Megadeth - SP
Busca no site